quarta-feira, 8 de novembro de 2006

Punica Granatum

Estou completamente agarrado, colado, viciado, como lhe quiserem chamar! Comecei o vício há alguns anos atrás, mas até há bem pouco tempo tinha o completo controle sobre ele. No entanto, esse controle começa a deixar de existir, e sinto-me em cima de uma corda a cinco metros de altura, a fazer o pino apenas com uma mão. Neste momento, não passa um dia que não consuma alguma! É incrível! Estou completamente rendido á Punica Granatum, essa deliciosa, mágica e viciante droga! O problema é que essa droga pelos vistos não faz mal nenhum, até pelo contrário! Pelo que tenho lido, até faz muito bem ao coração, está cheia de vitamina c, acido folico, é antioxidante, etc.

Já pensei em criar uma associação para pessoas como eu, mas depois perguntei-me a mim mesmo: "Achas que há mais alguém viciado em Punica Granatum?!". Decididamente não acredito nisso, por isso o projecto Punicólicos Grantum Anónimos (PGA) ficou de lado, até ver! Vou ter de viver com este vício sozinho até ao fim dos meus dias. Lá terá a minha Mary de me aturar, a mim e a este meu vício delicioso. Mais, a minha Mary e a minha marsupilamie maior, até já me disseram, que a continuar a consumir desta maneira, qualquer dia ainda acordo com cara de Punica Granatum!

Se há por aí agarrados como eu nesta droga, não tenham medo, nem vergonha de o assumir. Vamo-nos unir e partilhar experiências. Juntos venceremos!

Sem comentários: